segunda-feira, 20 de novembro de 2006

Grumos







5 comentários:

artemisa disse...

Em tempos um amigo revelou-me um truque para distinguir amor de paixão. Se conseguisses imaginar o objecto em causa a defecar e para além disso até lhe achasses piada, amava-lo. Se nem conseguisses sequer imaginar, estarias em estado de paixão. Na vossa perspectiva, o vómito equipara-se aos calhaus?

isto vai sem truques disse...

Vai masé cagar à mata... 'defecar'? ke lindu...

artemisa disse...

Em tempos um amigo revelou-me um truque para distinguir amor de paixão. Se conseguisses imaginar o gajo a cagar e para além disso até lhe achasses piada, amáva-lo. Se nem conseguisses sequer imaginar, estarias em estado de paixão. Na vossa perspectiva, o vómito equipara-se à merda?
(melhor assim ó "isto vai sem truques", minha besta "k lindu"?)

isto vai sem truques disse...

Se precisas de truques para perceber a diferença entre amor e paixão, é natural que vás buscar ajuda à merda e aos vómitos. Ele à cada uma...

artemisa disse...

há,amigo, há cada uma